SUGESTÕES DE CARREIRAS PARA PESSOAS AUTISTAS

Compartilhe

A entrada no mercado de trabalho é fundamental para que qualquer pessoa seja independente, não só financeiramente, mas também para alcançar autonomia e liberdade para realizar seus sonhos e alcançar seus objetivos pessoais.

Com as pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) não é diferente. Porém, o que muda são os desafios do mercado de trabalho. Mesmo que as pessoas com TEA desenvolvam seu potencial desde cedo, ainda há muita falta de informação e preconceito, o que pode dificultar as oportunidades de uma pessoa autista conseguir um emprego e permanecer no mercado de trabalho.

Em 2012, com a Lei Berenice Piana, iniciaram-se as discussões sobre as conquistas das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), que conquistaram seu espaço no mercado de trabalho, mas o estigma da deficiência acaba dificultando essa evolução. Para contribuir e divulgar os fatores que afetam a efetiva inclusão social das pessoas autistas no mercado de trabalho, pesquisas têm sido apresentadas nesse sentido.

Para conseguir um emprego, um adulto com autismo provavelmente passará por mais obstáculos, testes e avaliações adicionais. Além disso, os sinais de autismo podem se tornar um obstáculo em muitas situações relacionadas ao trabalho. Portanto, é fundamental que as empresas estejam preparadas para receber essas pessoas e proporcionar um ambiente acolhedor e respeitoso.

Independentemente da empresa que você está pensando em ingressar, não tenha medo ou vergonha de expor sua condição de autista.

O respeito é um princípio fundamental e ter transparência em todas as etapas da contratação é fundamental para evitar situações desagradáveis ​​no futuro.

Independentemente da empresa que você está pensando em ingressar, não tenha medo ou vergonha de expor sua condição de autista.

O respeito é um princípio fundamental e ter transparência em todas as etapas da contratação é fundamental para evitar situações desagradáveis ​​no futuro.

A Lei 8.213, de 24 de julho de 1991, completou 30 anos. Ela dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social e dá outras providências. Sua publicação representou importante avanço na inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho.

A Lei, em seu artigo 93, determina que empresas com mais de 100 empregados preencham de 2% a 5% dos seus cargos com beneficiários reabilitados do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS ou pessoas com deficiência.

De acordo com artigo, as empresas devem obedecer à seguinte proporção na contratação:

até 200 empregados devem contratar 2%;

de 201 a 500, 3%;

de 501 a 1.000, 4%;

acima de 1.001, 5%.

O descumprimento está sujeito à multa que varia de R$ 2.656,61 a R$ 265.659,51, conforme a gravidade da infração.  Os valores são atualizados anualmente e foram reajustados este ano pela Portaria SEPRT/ME Nº 477, de 12 de janeiro de 2021 do Ministério da Economia.

No âmbito do poder público, a Constituição Federal, em seu artigo 37, inciso VIII, estabelece a reserva de vagas para cargos e empregos e a Lei 8.112/90 prevê a reserva de até 20% das vagas oferecidas nos concursos.

No poder público federal, o Decreto 9508/2018 assegura reserva de, no mínimo, cinco por cento das vagas para as pessoas com deficiência.

O TJDFT acredita que o respeito à diversidade é solo fértil para o desenvolvimento de ideias inovadoras e garantia de uma Justiça acessível para todos.

ÁREAS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, ENGENHARIA E MATEMÁTICA

Engenharia: Ótimo para quem é motivado por matemática, segue regras, atenção aos detalhes, altos níveis de concentração, pensamento lógico e raciocínio, resolução de problemas.

Tecnologia da Informação: Programação, automação, correção de dados e scripts, segurança cibernética, atenção aos detalhes e apreciação do pedido. Evite plano aberto locais de trabalho (ruído e distração). Necessidade limitada de interação social em na área de TI e opções de trabalho em casa.

Técnico/assistente de laboratório ou transcritor médico: Ambiente silencioso, alto nível de concentração, adesão aos procedimentos, políticas e diretrizes de segurança, atenção aos detalhes, produzindo informações precisas dados. Técnicos analisam amostras de urina, sangue e tecidos para pesquisar para anormalidades ou evidências de doença. Esta função orientada para os detalhes requer um alto grau de precisão. Não requer muita interação social.

Ciência: Economista, ciência ambiental, cientista político: profundidade de foco, processo exploratório de experimentação, forte atenção aos detalhes, declarando fatos sem influência de seus próprios pensamentos.

Estatística: Trabalha em áreas de Pesquisa. Requer atenção aos detalhes, alta concentração e adesão às regras. Função é lógica, matemática, probabilidade, porcentagem, análise e interpretação de dados.

FUNÇÕES COMERCIAIS, CONTABILÍSTICAS E ADMINISTRATIVAS

Negócios e Direito: Contador, auditor, advogado: Resolver problemas complexos, motivados por equações matemáticas. Ótimo para pensadores visuais, precisos, seguem procedimentos e regras, atenção a detalhar, manter registros, manter registros financeiros, preparar informações precisas.

Entrada de dados: Alto nível de concentração, informações precisas, atenção

detalhar. Horários de trabalho flexíveis.

Arquivamento: Ambiente tranquilo. Regras muito definidas, altos níveis de precisão, alto nível de concentração, muito ordenado. Não requer muita interação social.

Comparação de documentos/dados: verificação cruzada de versões de documentos ou conjuntos de dados para comparar mudanças. Altos níveis de precisão, alto nível de concentração. Não requer muita interação social. Horários de trabalho flexíveis.

PROFISSÕES CRIATIVAS

Editor de livros/manuscritos/tarefas: escrever livros, gibis, animes, revisão e editoração, etc.

Atenção aos detalhes, resolução de problemas, detecção de erros tipográficos e gramaticais que poucas outras pessoas parecem ver, verificar fatos, questionar detalhes, melhor uso da linguagem e gramática. Pode trabalhar em casa fazendo revisão.

Papéis no cinema e na TV: (nos bastidores ou pode ser no palco atuando um personagem): uma ampla gama de papéis como atriz, ator, stand up, (sequenciamento, ordem), pintor de cenários (criatividade e foco), edição de imagens, operador de câmera (técnico e foco) para filmar editor/oficial de continuidade (solucionador de problemas, atenção aos detalhes, foco) para diretor de fotografia (criatividade, foco, iniciativa, liderança), etc. Dependendo do nível de interesse e foco, a contribuição para a mídia pode ser satisfatória, focado na criatividade e em um formato lógico de trabalho.

Gráfico/Web Design/Fotógrafo: pensador visual, criativo fora do comum pensamento de caixa, capacidade de trabalhar sozinho.

Jornalista/tradutor: expõe fatos, atenção aos detalhes, pesquisa e foco.

Escritor: Criatividade, ver as coisas de forma única, foco. Dependendo da função, eles podem se destacar com peças pesquisadas, referências e fluxo lógico de prosa, ou trabalhar de forma mais criativa com uma narrativa e desenvolver personagens, configurações e imersão na trama.

OUTRAS FUNÇÕES

Funções de defesa: Defensoria Pública, Ativista, ONGs. Ambiente estruturado, forte senso de disciplina, justiça, ética, seguindo regras claramente definidas.

Bibliotecário/Estantes de biblioteca: trabalhando dentro de uma catalogação ordenada sistema e locais de prateleiras previsíveis. Atenção aos detalhes. Ambiente silencioso.

Engenheiro Mecânico ou de Produção: Atenção aos detalhes, lógico, perfeccionismo. Ótima escolha de carreira para pessoas autistas que têm interesse em sistemas mecânicos e uma aptidão para visualizar o funcionamento interno de um veículo motorizado.

Profisisonal Autonômo: Trabalhar sozinho em uma ára de interesse restrito, foco, ordem/sequenciamento, autonomia, independencia, responsabilidade, seguir regras, lógica.

Controlador de tráfego: Gerencia e direciona o tráfego para garantir a segurança, regras muito claras que não devem ser quebradas, papel independente e muitas vezes em locais tranquilos.

Armazenagem/Estoque/logística: Processamento de pedidos, manutenção localizações e quantidades de estoque, controle de estoque, seguindo segurança diretrizes.

Trabalhar com animais: (tratador animais de de estimação, passeador de cães, treinador, veterinário, etc.). Pensador visual, amante dos animais, atento às necessidades dos animais, baixo estresse de trabalhar com animais em vez de pessoas.

Área da Saúde: Algumas pessoas autistas conseguem ótimos desempenhos na área da Medicina e Psicologia, Serviço Social, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional.

Serviço Público: Muitos pessoas autistas procuram concursos públicos pela estabilidade do emprego, mas nem sempre a função e ou cargo são compatíveis com suas habilidades.

As funções listadas abaixo seriam adequadas para funcionários autistas que trabalham melhor com repetição, altos níveis de foco, tomada de decisão limitada e análise e interação limitada com o cliente:

  • Jardineiro
  • Reabastecendo prateleiras
  • Executando uma fotocopiadora/administração geral (arquivamento, entrada de dados)
  • Linha de fabricação
  • Assistente de empratamento do chef
  • Controlador de trânsito/supervisor de travessia
  • Cuidados com animais: tosa, passear com cães, cuidar de animais de estimação
  • Funções de colheita de pomar/colhedor de frutas
  • Carteiro
  • Assistente de Contagem (em época de eleições)

EXEMPLOS DE EMPREGOS POUCO RECOMENDADOS PARA PESSOAS AUTISTAS:

  • Vendas/Caixa: Fazer mudanças rapidamente exige muito da memória de trabalho de curto prazo (e é pior se houver um problema coexistente de dislexia ou discalculia)
  • Garçom/Garçonete: Desafiador para lidar com os clientes e ter interação social, e especialmente difícil se tiver que manter rastrear muitas tabelas ou pedidos diferentes. Anotar ditado oral: difícil devido a problemas de processamento auditivo ou se tiver Dislexia.
  • Agente de passagens aéreas: É um desafio lidar com pessoas insatisfeitas quando os voos são cancelados.
  • Tomar decisões rápidas sobre planos alternativos de viagem também pode aumentar a ansiedade.
  • Call center: É um desafio lidar com pessoas insatisfeitas.
  • Controlador de tráfego aéreo: sobrecarga de informação e estresse.
  • Recepcionista e telefonista – Lidando com telefones ocupados, interações sociais e tomando decisões rápidas no local.

Nem toda pessoa autista tem o mesmo conjunto de pontos fortes. Existe uma vasta diversidade em todo o autismo espectro, como acontece com pessoas não autistas. Cada um de nós tem diferentes estilos de pensamento, pontos fortes, preferências, interesses e objetivos.

Com formação de qualidade, uma abordagem flexível, uma apreciação de diferentes formas de pensar e uma abertura para aprender sobre as necessidades de um funcionário autista, é provável que um funcionário autista prospere em emprego.

A Psicóloga Marina da Silveira Rodrigues Almeida é especialista em Transtorno do Espectro Autista.

Realizo psicoterapia online ou presencial para pessoas neurotípicas e neurodiversas.

Realizo avaliação neuropsicológica online para diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista em Adultos e TDAH.

Agende uma consulta no WhatsApp +55 (13) 991773793.

Marina da Silveira Rodrigues Almeida – CRP 06/41029

Consultora Ed. Inclusiva, Psicóloga Clínica e Escolar

Neuropsicóloga, Psicopedagoga e Pedagoga Especialista

Licenciada no E-Psi pelo Conselho Federal de Psicologia para atendimento de Psicoterapia on-line

WhatsApp (13) 991773793

INSTITUTO INCLUSÃO BRASIL

Rua Jacob Emmerich, 365 – sala 13 – Centro – São Vicente-SP

CEP 11310-071

marinaalmeida@institutoinclusaobrasil.com.br

www.institutoinclusaobrasil.com.br

https://www.facebook.com/InstitutoInclusaoBrasil/

https://www.facebook.com/marina.almeida.9250

https://www.facebook.com/groups/institutoinclusaobrasil/

Instagram:

@institutoinclusaobrasil

@psicologamarinaalmeida

@autismoemadultos_br

Conheça os E-Books

Coleção Neurodiversidade

Coleção Escola Inclusiva

Os E-books da Coleção Neurodiversidade, abordam vários temas da Educação, elucidando as dúvidas mais frequentes de pessoas neurodiversas, professores, profissionais e pais relativas à Educação Inclusiva.

Outros posts

QUAL O MELHOR MÉTODO DE ALFABETIZAÇÃO

O melhor método para a alfabetização é um discussão antiga entre os especialistas no assunto e também entre os pais quando vão escolher um escola

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×