GERENCIANDO A ANSIEDADE EM PESSOAS AUTISTAS NO LOCAL DE TRABALHO

Compartilhe

Emily Swiatek, consultora de treinamento profissional da National Autistic Society, dá conselhos e estratégias práticas sobre como apoiar funcionários autistas no gerenciamento de sua ansiedade no local de trabalho.

Muitas pessoas autistas podem experimentar níveis elevados de ansiedade no trabalho e, se não forem gerenciadas, isso pode levar a complicações de longo prazo e afastamento do trabalho. 

As três dicas a seguir oferecem algumas estratégias simples que podem ajudar os funcionários autistas a se sentirem bem apoiados no trabalho e a controlar sua ansiedade.

1. Forneça detalhes claros sobre mudanças e novos processos

Muitas pessoas autistas descobrem que mudanças repentinas aumentam os seus níveis de ansiedade, especialmente se sentem que não têm detalhes claros sobre exatamente o que é a mudança, por que está acontecendo e como irá afetá-los. O mesmo se aplica a quaisquer novos processos ou procedimentos que precisem ser seguidos.

Ao fornecer detalhes claros, escritos/visuais sobre quaisquer mudanças ou novos processos e oferecer aos funcionários a oportunidade de se reunirem com seu gerente para discutir coisas, a ansiedade de um funcionário autista pode muitas vezes ser significativamente reduzida.

Alguns exemplos disso incluem:

  • Fornecendo um guia passo a passo escrito
  • Enviar um e-mail de acompanhamento com detalhes de uma mudança após um briefing da equipe
  • Mostrando a um funcionário autista um novo local de trabalho antes de mudar de escritório
  • Envio de fotos antecipadamente de novos funcionários ingressando na equipe.

2. Desenvolva um sistema para comunicar ansiedade

As preocupações sobre os níveis de ansiedade muitas vezes não são levantadas até que seja tarde demais e o funcionário já tenha atingido o ponto de sobrecarga. 

Ao ter um sistema claro para comunicar a ansiedade, isso pode ser mais facilmente navegado e medidas preventivas, como dias adicionais de trabalho em casa ou tarefas ligeiramente alteradas, podem ser implementadas.

Alguns sistemas comuns para comunicar essa ansiedade incluem o uso de um sistema de semáforos de mensagens de texto (Verde = ok, Amarelo = alguma ansiedade, Vermelho = dia muito ansioso) ou o uso de aplicativos como o Brain in Hand, que permite aos funcionários registrarem seus níveis de ansiedade ao longo do dia e acessar estratégias de enfrentamento que foram adaptadas a eles.

3. Compartilhe o que está dando certo

Muitos funcionários autistas têm um forte traço perfeccionista e podem acabar ansiosos por levar seu trabalho a um padrão de perfeição que não é necessariamente exigido. Muitas vezes, isso pode estar relacionado ao fato de não sabermos o que é “certo”.

No trabalho, fornecemos feedback detalhado quando algo dá errado, mas muitas vezes não fornecemos o mesmo nível de feedback quando algo foi feito de acordo com o padrão exigido (apenas um “obrigado” ou “isso é ótimo”).

Ao esclarecer exatamente por que determinado aspecto do trabalho de uma pessoa é correto e ao ser claro sobre os elementos positivos de seu trabalho, você poderá reduzir parte da ansiedade que ela sente por seu desempenho não estar em um padrão suficientemente alto. 

Fonte:

The National Autistic Society: Emprego (para pessoas autistas e empregadores)

A Psicóloga Marina da Silveira Rodrigues Almeida é especialista em Transtorno do Espectro Autista.

Realizo psicoterapia online ou presencial para pessoas neurotípicas e neurodiversas.

Realizo avaliação neuropsicológica online para diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista em Adultos e TDAH.

Agende uma consulta no WhatsApp +55 (13) 991773793.

Marina da Silveira Rodrigues Almeida – CRP 06/41029

Consultora Ed. Inclusiva, Psicóloga Clínica e Escolar

Neuropsicóloga, Psicopedagoga e Pedagoga Especialista

Licenciada no E-Psi pelo Conselho Federal de Psicologia para atendimento de Psicoterapia on-line

WhatsApp (13) 991773793

INSTITUTO INCLUSÃO BRASIL

Rua Jacob Emmerich, 365 – sala 13 – Centro – São Vicente-SP

CEP 11310-071

marinaalmeida@institutoinclusaobrasil.com.br

www.institutoinclusaobrasil.com.br

https://www.facebook.com/InstitutoInclusaoBrasil/

https://www.facebook.com/marina.almeida.9250

https://www.facebook.com/groups/institutoinclusaobrasil/

Instagram:

@institutoinclusaobrasil

@psicologamarinaalmeida

@autismoemadultos_br

Conheça os E-Books

Coleção Neurodiversidade

Coleção Escola Inclusiva

Os E-books da Coleção Neurodiversidade, abordam vários temas da Educação, elucidando as dúvidas mais frequentes de pessoas neurodiversas, professores, profissionais e pais relativas à Educação Inclusiva.

Outros posts

MÉTODOS INSTRUCIONAIS ABA – ALUNOS COM AUTISMO

Os métodos instrucionais ABA (Applied Behavior Analysis) de treinamento experimental discreto, treinamento de resposta central e rotinas funcionais de ensino formam a base instrucional destes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×